Master em Atividade Física Orientada à Mulher

Apresentação do Programa

Tradicionalmente, a prática de atividade física e esportiva tem se concentrado na esfera masculina, relegando as mulheres para segundo plano. Após as Olimpíadas de Paris de 1900, essa tendência começa a mudar, sendo estas as primeiras Olimpíadas com a participação de mulheres. Embora ainda haja um longo caminho a percorrer para romper estereótipos e alcançar a igualdade de gênero na participação das mulheres no campo esportivo, a partir desse momento histórico, a participação das mulheres se aproximou da dos homens, e até mesmo conseguiu superar em algumas modalidades.

Essa realidade também se reflete nos avanços da metodologia científica e de treinamento para mulheres, pois ainda está muito atrás dos avanços para os homens. Como consequência, certas metodologias podem ser aplicadas erroneamente igualmente em ambos os sexos, sem levar em consideração as características diferenciais do treinamento das mulheres, que podem se traduzir em lesões, abandono, mau desempenho esportivo, frustração, entre outros.

Além do campo do desempenho esportivo, o Master em Atividade Física Orientada à Mulher visa destacar os benefícios reconhecidos da atividade física para promover a saúde e melhorar a qualidade de vida de mulheres de todas as idades. É uma formação que busca capacitação para a prática de atividade física adequada em momentos tão específicos e próprios da esfera feminina como a saúde do assoalho pélvico, a gravidez, a lactação e o pós-parto saudáveis, além das diferentes fases do ciclo menstrual, menopausa e para a prevenção de doenças de grande prevalência (osteoporose, doença cardiovascular...), sem nunca esquecer a importância de ser mulher atleta sem exceder os limites da saúde.

O Master em Atividade Física Orientada à Mulher foi criado com o objetivo de garantir formação específica adaptada às necessidades das mulheres, reconhecendo a atividade física como um elemento fundamental para a saúde e respondendo às necessidades atuais de desempenho esportivo e na prescrição de atividade física voltada para as mulheres, respeitando sua idiossincrasia e suas características diferenciais.

A quem é dirigido

A metodologia de formação proposta, somada à clareza, amplitude e didática da elaboração de conteúdo, permite direcionar o Master em Atividade Física Orientada à Mulher para os profissionais que desejam se especializar no campo de atividade física e esporte na mulher.

O Master em Atividade Física Orientada à Mulher tem como destinatários (a):

  • Graduados em Atividade Física e Ciências do Esporte (ou carreiras relacionadas) interessados em formação complementar e específica em Atividade Física feminina.
  • Graduados em ciências da saúde que, além de sua formação básica, desejam uma especialização prática em atividade física para mulheres.
  • Outros graduados com experiência profissional no campo da atividade física e da saúde com interesse em atualizar, consolidar ou adquirir seus conhecimentos em Atividade Física para mulheres.

Titulação

A aprovação bem-sucedida do programa permitirá a obtenção do Master em Atividade Física Orientada à Mulher.

Após a conclusão do Programa, o aluno receberá o título emitido pela Universidade em que tenha se matriculado.

Estrutura do Programa

A duração estimada para a conclusão do Master em Atividade Física à Mulher é de 2 anos.

Quanto à distribuição do tempo, é estabelecido que:

  • Por ser um programa de ensino à distância e não estar sujeito a aulas presenciais, não é estabelecida uma data de início específica, para que o aluno possa formalizar a inscrição a qualquer momento, desde que haja vagas disponíveis.
  • O tempo máximo disponível para concluir o programa é de 24 meses. Nesse período, o aluno deve ter sido aprovado em todos os testes de avaliação correspondentes ao programa.

A estrutura de crédito do Master em Atividade Física à Mulher é mostrada na tabela a seguir:

  CRÉDITOSa DURAÇÃOb
Módulo 1: Atividade Física e Saúde 10 3
Módulo 2: Avaliação prévia do atleta 15 4.5
Módulo 3: Prescrição de exercícios físicos para a mulher 20 6
Módulo 4: Metodologia e pesquisa 9 2
Módulo 5: Treinamento esportivo para mulheres 15 4.5
Modulo 6: Projeto Final do Master  12 4
TOTAL 81 24

a. Um (1) crédito ECTS (European Credit Transfer System) equivale a 10 + 15 horas. Se o aluno cursa o Programa matriculado em uma universidade não pertencente ao Espaço Europeu de Educação Superior (EEES), a relação entre créditos - horas, pode variar.
b. Duração em meses.

Objetivos

Objetivo geral

  • Formar especialistas com capacidade para projetar e avaliar planos de treinamento para mulheres atletas, mulheres fisicamente ativas e/ou sedentárias, adaptadas às suas necessidades individuais e ao seu estado fisiológico e/ou patológico.

Objetivos específicos

  • Avaliar as características diferenciais das mulheres, suas necessidades fisiológicas, biomecânicas e psicossociais relacionadas ao desempenho esportivo.
  • Avaliar a condição física do atleta e o efeito da carga de treinamento planejada.
  • Estimar a relevância do estado nutricional em mulheres grávidas e lactantes, bem como sua influência no desempenho da atleta.
  • Planejar a carga de trabalho do treinamento com base na fase do ciclo menstrual.
  • Desenvolver programas de treinamento seguros e benéficos durante a gravidez e o pós-parto.
  • Reconhecer a prescrição de atividade física como parte do tratamento e prevenção de doenças de maior prevalência que acometem as mulheres.
  • Elaborar planos de treinamento para melhorar o desempenho das atletas e que favoreçam a prevenção e reabilitação de lesões.

Saídas Profissionais

Algumas das oportunidades profissionais do Master em Atividade Física Orientada à Mulher são as seguintes:

  • Treinadores esportivos e readaptadores que trabalham em centros de alto desempenho.
  • Treinadores esportivos e monitores de complexos esportivos, academias, associações, federações, etc.
  • Formadores de entidades esportivas que possuem seção feminina.
  • Profissionais de saúde de centros de saúde, hospitais, clínicas, etc.
  • Assessores de projetos relacionados à atividade física e esporte, em instituições públicas e privadas e organizações não-governamentais.
  • Profissionais de esportes e saúde de centros de pesquisa relacionados à atividade física e esportes.
  • Assessores do departamento de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), Marketing ou Qualidade de empresas relacionadas à atividade física e aos esportes voltados para mulheres.
  • Diretores e coordenadores de centros de esporte e lazer.

Nota: O exercício das profissões é regulamentado pela legislação de cada país.

Plano de estudos

O Master em Atividade Física Orientada à Mulher é composto pelos módulos descritos abaixo:

Quanto à distribuição do tempo, é estabelecido que:

  • MÓDULO 1: ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE

Neste primeiro módulo são descritas as bases da anatomia e fisiologia no contexto esportivo, bem como os benefícios de saúde da atividade física e os riscos de exercício físico inadequado na população.

As disciplinas que compõem esta parte são mostradas na tabela a seguir:

MÓDULO 1: ATIVIDADE FÍSICA E SAÚDE
# DISCIPLINAS CRÉDITOS
1 Estrutura e Função do Corpo Humano 5
2 Contextualização da atividade física e o exercício no âmbito da saúde 5
TOTAL 10
  • MÓDULO 2: AVALIAÇÃO PRÉVIA DO ATLETA

Neste módulo serão analisadas as principais ferramentas para avaliar a condição física. Além disso, serão estudadas técnicas e métodos para determinar o estado nutricional em mulheres grávidas, lactantes e atletas.

As disciplinas que compõem esta parte são mostradas na tabela a seguir:

  • MÓDULO 3: PRESCRIÇÃO DO EXERCÍCIO FÍSICO NA MULHER

Neste módulo são aprofundadas as características diferenciais das mulheres devido às suas necessidades específicas de gravidez, pós-parto, ciclo menstrual e menopausa, que devem ser integradas na prescrição de exercícios físicos. Por outro lado, é estudada a importância da atividade física na prevenção e tratamento de patologias de alta prevalência.

As disciplinas que compõem esta parte são mostradas na tabela a seguir:

  • MÓDULO 4: METODOLOGIA E PESQUISA

Este módulo determina os aspectos fundamentais do processo de pesquisa nas ciências da atividade física e do esporte e oferece as ferramentas metodológicas necessárias para o desenvolvimento do Projeto Final.

As disciplinas que compõem esta parte são mostradas na tabela a seguir:

MÓDULO 4: METODOLOGIA E PESQUISA
# DISCIPLINAS CRÉDITOS
1 O processo de pesquisa no âmbito da atividade física e o esporte 6
2 Seminário saúde PF 3
TOTAL 9
  • MÓDULO 5: ENTRENAMIENTO DEPORTIVO EN LA MUJER

Este módulo analisará os princípios do treinamento de atletas do sexo feminino com base no tipo de esporte e seus requisitos, favorecendo a melhoria do desempenho e a prevenção e reabilitação de lesões. Além disso, são estudadas tendências e modalidades no treinamento de mulheres fisicamente ativas.

As disciplinas que compõem esta parte são mostradas na tabela a seguir:

MÓDULO 5: ENTRENAMIENTO DEPORTIVO EN LA MUJER
# DISCIPLINAS CRÉDITOS
1 Lesões esportivas na mulher 5
2 Mulher e rendimento esportivo 5
3 Tendências de treinamento na mulher 5
TOTAL 15
  • MODULO 6: PROJETO FINAL DE MASTER

O Projeto Final deve ter uma natureza profissional e relacionado ao ambiente de trabalho ao qual o programa concluído está anexado.

O aluno deve desenvolver seu Projeto Final de acordo com as Normativas do Projeto Final.

MODULO 6: PROJETO FINAL DE MASTER
# DISCIPLINAS CRÉDITOS
1 Trabalho Final de Master 12

Observação: O conteúdo do programa acadêmico pode estar submetido a ligeiras modificações, em função das atualizações ou das melhorias efetuadas.

Direção

  • Dr. Maurizio Antonio Battino. Diretor da Área de Saúde e Nutrição da Fundação Universitária Iberoamericana. Pesquisador em Bioquímica e professor da Scuola di Specializzazione in Scienza dell'Alimentazione.

Direção do Programa

  • Dra. Amélia Cristina Stein. Doutora em Ciências da Atiidade Física e do Esporte pela Universidad de León. Professora da Universidad Internacional Iberoamericana.

Coordinación General Académica

  • Dr. Álvaro Velarde Sotres. Coordenador Internacional Área de Esporte.
  • Dra (c). Irma Domínguez. Coordenador Internacional Áreas Saúde.

Professores e Autores

  • Dr. Alfonso Salguero del Valle. Doutorado em Ciências da Atividade Física e do Esporte. Professor na Universidad de León.
  • Dra. Olga Molinero González. Doutorado em Ciências da Atividade Física e do Esporte e professora no Departamento de Educação Física e Esportiva da Universidad de León.
  • Dr. Cristian Abelairas Gómez. Doutorado em Pesquisa em Atividade Física, Esporte e Saúde, pela Universidad de Vigo. Professor na Faculdade de Ciências da Educação da Universidad de Santiago de Compostela.
  • Dr. Álvaro Velarde Sotres. Doutor em Projetos de Saúde. Mestrado em Prevenção e Readaptação de Lesões Esportivas. Mestrado em Formação de Professores na Especialidade de Educação Física. Graduado em Atividade Física e Ciências do Esporte. Professor na Universidad Europea del Atlántico.
  • Dra. Laura Leticia Salazar Preciado. Doutorado em Ciências da Saúde Pública pela Universidad de Guadalajara. Licenciatura em Pedagogia pela Universidad de Guadalajara.. Professora no Centro Universitário de Tonalá, Tecnológico de Monterrey, Campus Guadalajara, Arandas e Tequila.
  • Dra. Clío Chávez Palencia. Doutorado em Ciências da Saúde Pública pela Universidad de Guadalajara. Professora na Universidad de Guadalajara, Universidad Jesuita de Guadalajara.
  • Dr. Juan Francisco Mielgo. Doutorado em Pesquisa Biomédica e mestrado em Nutrição e Saúde pela Euskal Herriko Unibertsitatea.
  • Dra. Jana María Gallardo Pérez. Doutorado Internacional em Ciências da Atividade Física e do Esporte pela Universidad Politécnica de Madrid. Professora associada da Universidad Camilo José Cela.
  • Dr. Carlos Lago Fuentes. Doutorado em Ciências do Esporte, Educação Física e Atividade Física Saudável pela Universidad de Vigo. Diretor acadêmico da graduação em Ciências da Atividade Física e do Esporte da Universidad Europea del Atlántico.
  • Dr. Felipe García Pinillos. Doutorado em Ciências da Atividade Física e do Esporte pela Universidad de Jaén. Professor na Universidad Europea del Atlántico.
  • Dr. Antonio Jesús Bores. Doutorado em Ciências da Atividade Física e do Esporte. Preparador físico profissional e professor na Universidad Europea del Atlántico.
  • Dra. Amélia Cristina Stein. Doutorado em Ciências da Atividade Física e da Saúde pela Universidad de León. Professora na Universidad Internacional Iberoamericana.
  • Dr. Álvaro Velarde Sotres. Doutorado em Projetos de Saúde pela Universidad Internacional Iberoamericana. Professor na Universidad Europea del Atlántico.
  • Dra. Andrea Arreguín. Doutorado e Mestrado em Nutrigenômica e Nutrição Personalizada pela Universidad de las Islas Baleares. Professora na Universidad Internacional Iberoamericana.
  • Dra. (c) María Soledad Arribalzaga. Doutorado (em andamento) em Saúde, Deficiência, Dependência e Bem-Estar na Universidad de León. Mestrado em Treinamento e Nutrição Esportiva pela Universidad Europea de Madrid.
  • Dra. (c) Thania Chio. Doutorado (em andamento) em Educação. Professora na Universidad Internacional Iberoamericana e universidades parceiras.
  • Dr. (c) Martín Barcala Furelos. Doutorado (em andamento) em Atividade Física, Educação Física e Esporte pela Universidad Pontifica de Salamanca. Professor na Universidad Internacional Iberoamericana.
  • Dr. (c) Leonardo de Jesús Hernández Cruz. Doutorado (em andamento) em Educação pela Universidad Internacional Iberoamericana. Mestrado em Atividade Física. Professor na Universidade Internacional do Cuanza.
  • Dr. (c) Josep Alemany. Josep Alemany Iturriaga. Doutorado (em andamento) em Educação. Ampla experiência profissional como treinador de basquete. Professor do Comitê Técnico da Federação Catalã de Basquete.
  • Mg. Verónica Lopes. Mestrado em Enfermagem Comunitária e Saúde Pública no Instituto Politécnico de Setúbal - Escola Superior de Saúde, Setúbal de Portugal. Professora na Universidad Internacional Iberoamericana.

Bolsa de Trabalho

A Fundação Universitária Iberoamericana (FUNIBER) destina periodicamente um valor econômico de caráter extraordinário para Bolsas de estudo em Formação FUNIBER.

Para solicitá-la, preencha o formulário de solicitação de informação que aparece no portal da FUNIBER ou entre em contato diretamente com a sede da fundação em seu país para saber se é necessário fornecer alguma informação adicional.

Uma vez recebida a documentação, o Comitê Avaliador examinará a idoneidade de sua candidatura para a concessão de um incentivo econômico na forma de Bolsa de estudo em Formação FUNIBER.